IV Congresso Brasileiro Psicologia: Ciência e Profissão vai abrigar discussão da Anpsinep sobre as relações raciais no Brasil

Nessa quinta-feira (20) comemora-se o Dia da Consciência Negra e a Fenapsi reafirma seu compromisso com a militância no combate ao racismo e pela inclusão do tema na agenda da Psicologia. Por isso a Federação apoia a Articulação Nacional de Psicólogas (os) Negras (os) e Pesquisadoras (es) – Anpsinep.

A Organização vai realizar sua assembleia durante o IV Congresso Brasileiro Psicologia: Ciência e Profissão, que foi iniciado nessa quarta-feira (19) e segue até domingo (23), na cidade de São Paulo. A busca por incluir o tema racismo na pauta da Psicologia é motivada pelas peculiaridades da questão no Brasil, que sofre um processo de invisibilização e negação de seus efeitos na sociedade.

Por conta disso a Fenapsi corrobora com as ações de enfrentamento ao racismo articuladas pela Anpsinep e com a produção de conhecimento e a ação política no campo da Psicologia sobre o impacto do racismo na construção das subjetividades e nas relações raciais no Brasil.

Essa quinta-feira (20) é dia de luta e a Fenapsi apoia atos realizados em todo o país por diversos segmentos e entidades da sociedade denunciando a desigualdade racial, o racismo, o extermínio de jovens negras e negros e reivindicando mais políticas públicas capazes de enfrentar essas questões de maneira efetiva no Brasil.