Moções de apoio à luta antimanicomial são aprovadas no terceiro e último dia. Discussão sobre Reforma da Previdência, terceirização e precarização do trabalho movimentam o encontro, realizado em São Paulo entre 7 e 9 de abril  



 
Durante os três dias de Congresso Extraordinário da Fenapsi, cerca de 120 participantes de todo o Brasil acompanharam discussões de grande interesse da categoria profissional, promoveram deliberações importantes e elegeram a nova gestão da Federação. A eleição ocorreu no domingo, 9 de abril, no último dia do evento, que teve início na sexta-feira, 7, no Hotel  Boulevard Inn, em São Paulo.

Após a eleição da nova diretoria, a presidenta eleita Shirlene Queiroz puxou o coro: “É a Fenapsi que a gente quer, porque ela é presidida por mulher”. 
 

A importância das psicólogas à frente dos espaços que fazem o enfrentamento da retirada de direitos também foi lembrada pela ex-presidente da Federação, Fernanda Lou Sans Magano, que agradeceu às mulheres da antiga diretoria e às que conduziram as eleições na Comissão Eleitoral. Magano já havia lembrado a representantividade das mulheres na Psicologia, durante a abertura do Congresso, ressaltando o quão é importante a categoria profissional se unir enquanto classe trabalhadora.  
 
Debates sobre a precarização do trabalho, a terceirização, a Reforma da Previdência, e até a relação das bancadas que defendem essa retirada de direitos e atacam as questões de ideologia de gênero foram abordadas no Congresso, que discutiu outros assuntos.  
 
O Congresso aprovou ainda três moções de apoio à luta antimanicomial. E reforçou que há um golpe em curso no País, entre outras questões. 
 
Nova diretoria e novo conselho fiscal 
Confira abaixo a transcrição do requerimento de inscrição de chapa para a escolha da gestão 2017/2020 (diretoria e conselho) da Fenapsi. E na sequência os respectivos nomes que compõem a chapa eleita para ficar à frente da Federação no próximo triênio.
 
A Comissão Eleitoral do Congresso Extraordinário da Fenapsi/Eleição 2017/2020 requer a inscrição da chapa: União, Resistência e Luta! com a seguinte composição de seus membros para Direção Nacional e Conselho Fiscal da Fenapsi. 
 
Presidente - Shirlene Queiroz de Lima 
Vice-presidente - Fernanda Lou Sans Magano 
Tesoureiro - Enildo Calixto Louback 
1º tesoureiro - Marinaldo Silva Santos 
Secretário-geral - César Rosário Fernandes 
1ª Secretária - Vânia Maria Machado 
Secretário Jurídico - Heitor Freitas de Andrade 
Secretário de Relações de Trabalho - Walkes Jacques Vargas 
Secretário de Formação - Marta Santa da Cunha 
Secretário de Comunicação - Marcelo Tourinho de Garcia 
Secretário de Políticas da Saúde - Paulo Victor Telles
Secretária de Políticas Sociais - Danielle do Nascimento Cezini Lacerda 
Secretário de Políticas Educacionais - André de Carvalho Barreto 
Secretária de Políticas de Gênero, Raça, Deficiência e Geração - Lucitânia Gomes de Oliveira 
 
Conselho fiscal
1º conselheiro - Leone Azevedo Gama da Rocha 
2º conselheiro  - Leovane Gregório 
3º conselheio - Elias Rodrigues de Souza 
1º suplente - Valéria Cristina Lopes Princz 
2º suplente - Sandra Lúcia Vitorino 
3º suplente - Lourdes Aparecida Machado 

*Com imagens do Sindpsi-SP.